Número total de visualizações de página

sábado, 5 de outubro de 2013

O que dizem os teus olhos? #1



"São tão rápidos e, às vezes, fugidios como eu" 


Maria João Luís, 50 anos, mãe de três filhos rapazes e atriz. Foi esta mulher que hoje pudemos conhecer melhor através de um dos meus programas preferidos de televisão, um programa de entrevistas que nos permite refletir sobre a nós, sobre a vida e, principalmente, sobre a condição humana. 

Mulher da terra, com muito poucas certezas do que quer que seja, ao ponto de duvidar se é ou não feliz, das poucas convicções que tem, uma delas é o amor à arte, para ela representar é voar e quando voa sabe que o que  fez está bem feito. Uma das suas fragilidades é o facto de não saber lidar com a doença dos outros, principalmente quando esta representa o fim para alguém que lhe é próximo, gosta do nascer do sol, mas já do pôr do sol não, pois este representa sempre o fim de algo. 

Gostei muito da entrevista, aliás é raro o alta definição com que eu não me identifique, que não faça pensar e olhar para as pessoas de uma outra maneira, porém já aconteceu.

Aqui ficam alguns dos meus pensamentos favoritos:

"Não se iludam com a minha fragilidade, nem se iludam com a minha força e segurança"

"O medo é a pior coisa que existe"  

Semana após semana aqui farei o registo de reflexões e histórias de vida que valem a pena ouvir, é catártico...

Sem comentários:

Enviar um comentário